Wilson Santiago lamenta morte do médico e político Edmilson Mota

PTB Notícias 28/01/2014, 9:06


A política paraibana, e especialmente a de Patos, no Sertão do estado da Paraíba, perde um grande e abnegado benfeitor, sobretudo na condição de médico – que o era -, com a morte do ex-prefeito Edmilson Mota.

É isso o que afirma o ex-senador e presidente estadual do PTB, Wilson Santiago, também afirmando que goza de muita intimidade e amizade perante a família do ex-prefeito.

Edmilson faleceu no domingo (26/1/2014), e foi sepultado na segunda-feira (27), no Parque das Acácias, em João Pessoa.

Ao tomar conhecimento da morte de Edmilson Mota – que foi prefeito de Patos (1977-1982) e subsecretário de Saúde do Estado da Paraíba, algumas vezes, respondendo pela titularidade da Pasta -, Wilson Santiago enviou mensagens de pêsames a familiares do morto, ressaltando a falta que ele fará, não só a atividade política da Paraíba, como, principalmente, às camadas mais simples da população, como médico.

Para o dirigente partidário, os Motas – cuja máxima representação política evidenciava-se na pessoa do saudoso Edvaldo Mota (que foi vereador, em Patos, além de deputado estadual e federal) – se têm destacado e afirmado como figuras de grande importância no cenário política da Paraíba.

Ele salienta a continuidade da liderança do Grupo, no estado, nas pessoas da prefeito de Patos, ex-deputada Francisca Motta, do ex-prefeito Nabor Wanderley e do deputado federal Hugo Motta.

* Agência Trabalhista de Notícias (LL), com informações do portal Wiscom online