Zeca Cavalcanti destaca aprovação de medidas para combater mosquito Aedes aegypti

PTB Notícias 2/08/2016, 8:14


Imagem Crédito: Antonio Augusto/Câmara dos Deputados

[vc_row][vc_column][vc_column_text css=”.vc_custom_1470166063064{margin-bottom: 0px !important;}”]O Congresso Nacional aprovou, recentemente, a medida provisória que liberou R$ 420 milhões para combater o Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, da febre chikungunya e do vírus zika, que causa a microcefalia.

O deputado Zeca Cavalcanti (PTB-PE) destacou que a MP permitiu a destinação de verbas para compra de repelentes para gestantes, na ordem de R$ 300 milhões, repassados por meio do Bolsa Família, pelo Ministério do Desenvolvimento Social.

“Isso tem uma envergadura social muito grande, que nos dá a certeza de que não será por falta de recursos que deixaremos de evitar a microcefalia nas crianças, nos recém-nascidos”, declarou.

O parlamentar ressaltou ainda que parte dos recursos da medida aprovada será destinada ao Ministério da Ciência e Tecnologia para o financiamento de pesquisas sobre o Zika vírus e a microcefalia.

Com informações da Agência Câmara Notícias[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]