Zeca Cavalcanti manifesta otimismo com previsão de verbas para saúde em 2018

PTB Notícias 6/11/2017, 14:50


Imagem Crédito: Luis Macedo/Câmara dos Deputados

[vc_row][vc_column][vc_column_text css=”.vc_custom_1509995387845{margin-bottom: 0px !important;}”]O deputado Zeca Cavalcanti (PTB-PE) comemorou a destinação de R$ 17,4 bilhões para a área da saúde por meio de emendas parlamentares ao projeto da Lei Orçamentária Anual de 2018 (PLN 20/17) – foi o setor melhor contemplado no Orçamento do próximo ano. A verba é proveniente de emendas individuais e coletivas.

Emendas são recursos que deputados e senadores direcionam no Orçamento da União para obras e serviços em suas bases eleitorais. A execução das emendas é obrigatória e sujeita à disponibilidade de recursos no Tesouro Nacional.

“A gente sabe que as demandas da saúde são cada vez maiores e que necessitam de mais recursos. Portanto, a gente fica muito esperançoso que a saúde do Brasil volte a melhorar cada vez mais”, diz o parlamentar.

Cavalcanti reconhece que os quase R$ 18 bilhões talvez não sejam suficientes para resolver todos os problemas do setor, mas afirma que é o valor possível no momento. Por outro lado, segundo o deputado, se a gestão for aprimorada, as pessoas poderão ser melhor atendidas por um menor preço.

No total, as 8.262 emendas parlamentares somam R$ 99,8 bilhões. O total do Orçamento para 2018 equivale de R$ 108,5 bilhões.

Tramitação

Pelo cronograma da Comissão Mista de Orçamento (CMO), os parlamentares terão até o dia 9 de novembro para fazer ajustes às emendas apresentadas e o relatório de receitas precisa ser apresentado até o dia 14 de novembro.

A expectativa é que o parecer final do relator-geral seja apresentado até o dia 10 de dezembro, sendo votado em 14 do mesmo mês pelo plenário da CMO e, pelo plenário do Congresso Nacional, no dia 19 de dezembro.

Com informações da assessoria da Liderança do PTB na Câmara dos Deputados[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]